A Jornada do Autodidata em Inglês

 

Viajantes

Pra quem viaja ou planeja viajar e não quer passar por situações difíceis e constrangedoras. São aquelas pessoas que têm o desejo de aproveitar ao máximo a sua viagem e ter o muito mais opções de destinos.

Apreciadores

Pra quem quer fugir de dublagem mal feita de filmes ou simplesmente não quer perder uma cena ou a expressão facial do ator enquanto lê a legenda. Para aquelas pessoas que amam o inglês.

Estudiosos

São aqueles que buscam autodesenvolvimento através da internet. No entanto, as melhores fontes de informação do MUNDO estão em inglês (sem tradução). Quem sabe inglês tem acesso à maior parcela de todo conhecimento disponível online.

Profissionais

Para aqueles que querem brilhar em suas carreiras e alcançar o sucesso profissional. São pessoas que sabem do seu potencial, não aceitam trabalhar por um salário mínimo e buscam as melhores remunerações do mercado.

A1

Nesse nível,  o aluno tem praticamente zero conhecimento no idioma. A assimilação ainda é lenta e limitada e o estudante sente muita dificuldade para se expressar.

A2

Refere-se ao nível inicial e básico do idioma e significa que quem o domina consegue compreender e usar expressões familiares e cotidianas que satisfazem suas necessidades básicas. Aqui estão categorizados os alunos recentes, que são capazes de se comunicar em tarefas simples e rotinas que exijam apenas uma troca rápida e fácil de informações.

B1

Classifica um usuário com um pouco mais de conhecimento e entendimento da língua. O B1 é o nível intermediário, no qual a pessoa compreende as questões principais de assuntos que lhe são familiares e consegue reproduzir discursos simples e coerentes sobre os temas que conhece. Também consegue criar textos mais simples sobre áreas de interesse e já começa a ter condições de dar a sua opinião (ainda breve) sobre determinados fatos.

B2

No B2, já vemos indivíduos mais independentes quanto ao uso do idioma, já que deve escrever textos detalhados sobre os mais variados temas, compreender desde ideias principais de textos mais complexos sobre tópicos concretos e abstratos, até discussões técnicas sobre sua área de especialidade. Além disso, a partir daí ele começa a conseguir se comunicar com espontaneidade com falantes nativos sem que haja uma tensão durante o diálogo.

C1

Aqui, o aluno já consegue compreender um vasto número de textos longos e exigentes, se comunicar de maneira fluente e tranquila, sem a necessidade de “pensar” antes de falar. Sabe aquelas travas? Elas não pertencem mais ao estudante nível C1, que já tem habilidades para argumentar, assistir filmes sem legendas e ainda utilizar o idioma no meio acadêmico.

C2

É o nível de domínio pleno de inglês, em que o aluno compreende sem esforço algum praticamente tudo o que ouve ou lê e consegue também se comunicar espontaneamente e de modo fluente com exatidão.